https://gazetadoestado.com.br

Saúde recebeu 15 mil doses da vacina pentavalente

A distribuição se dará de acordo com o consumo de cada unidade de saúde. Mais 15 mil doses estão garantidas pelo Ministério da Saúde

Publicados

em


Foto: Breno Esaki/SES

A Secretaria de Saúde (SES) recebeu 15 mil doses da vacina penta valente, enviadas pelo Ministério da Saúde. Outras 15 mil doses, informa o ministério, estarão disponíveis em tempo hábil. Ao longo desta semana, a previsão é que os estoques das salas de vacinas serão reabastecidos.

O consumo mensal da vacina atinge a média de 11 mil doses no Distrito Federal. Porém, com o desabastecimento, registrado desde agosto de 2019, a quantidade disponibilizada não será suficiente para repor todo o estoque. Seriam necessárias cerca de 40 mil doses para atender a toda a demanda reprimida por causa da interrupção.

A distribuição não tem regiões prioritárias, sendo feita com base na média de consumo mensal de cada região de saúde. A vacina garante proteção contra difteria, tétano, coqueluche, meningite e outras infecções causadas pela bactéria Haemophilus influenzae tipo B, além da hepatite B. A vacina é aplicada em bebês aos dois, quatro e seis meses de vida.

?É muito importante que todos estejamos vacinados não só para nos protegermos, mas para proteger toda a população, evitando que doenças já controladas voltem a atingir as pessoas?, adverte o diretor de Vigilância Epidemiológica, Cássio Peterka.

Leia Também:  PMDB de Morrinhos rejeita compor com Rogério Troncoso

Dados parciais mostram que, de janeiro a dezembro de 2019, 30.364 crianças tomaram a primeira dose da vacina. A criança que tomou a primeira ou a segunda dose deve completar o esquema com a terceira dose.
 
 

Da redação/Agência Brasília
 

COMENTE ABAIXO:

Propaganda
Clique para comentar

Você precisa estar logado para postar um comentário Login

Deixe uma resposta

Cidades

Agência de Regulação assina o Termo de Compromisso de Gestão do Terminal Rodoviário de Almas

Com o termo, a prefeitura tem o direito de usar, administrar e explorar, inclusive comercialmente, o terminal, devendo zelar por seu funcionamento, conservação, manutenção e limpeza

Publicados

em

Por


O presidente da Agência Tocantinense de Regulação, Controle e Fiscalização de Serviços Públicos (ATR), Edson Cabral; e o prefeito do município de Almas, Wagner Nepomuceno, assinaram nesta segunda-feira, 29, o Termo de Compromisso de Gestão do Terminal Rodoviário de Almas.

Com o termo, a prefeitura tem o direito de usar, administrar e explorar, inclusive comercialmente, o terminal, devendo zelar por seu funcionamento, conservação, manutenção e limpeza. Já à ATR compete a regulação, o controle e a fiscalização de todos os terminais rodoviários de passageiros e do cumprimento dos termos de cessão de uso.

Na assinatura, o presidente da ATR destacou a preocupação do Governo do Tocantins em relação à situação dos terminais. O gestor pontuou que a Agência vem buscando realizar um levantamento da situação das rodoviárias em todo o Estado, para buscar com os municípios, a garantia do pleno funcionamento destes locais. ?Como agência reguladora, é nossa preocupação, principalmente nesse período de pandemia, que os terminais possam estar bem conservados, garantindo ao usuário dos serviços um ambiente saudável e seguro?, disse.

Essa também foi a preocupação expressa pelo prefeito Wagner Nepomuceno, ao enfatizar que a assinatura permite a regularização da administração do Terminal, a reforma e que a limpeza das instalações e sanitários do terminal serão providenciadas, já nos próximos meses.

Leia Também:  GUARULHOS SEDIA A 1ª FESTA DAS NAÇÕES

Além do prefeito, estiveram presentes no ato da assinatura do Termo, o gerente de Regulação, de Transportes e Terminais Rodoviários da ATR, Carlos Alberto; e o gerente Municipal de Convênios GMC da Prefeitura de Almas, Uhallas Divino.

 

Ravena Santiago/Governo do Tocantins

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

CATEGORIAS

CATEGORIAS

CATEGORIAS

CATEGORIAS

MAIS LIDAS DA SEMANA