Economia

Caldas Novas oferece 98 vagas de emprego

Publicados

em

A Prefeitura de Caldas Novas publicou nesta quinta-feira (8/4) o edital do processo seletivo simplificado com 98 vagas para a Secretaria de Desenvolvimento Urbano e Rural. As inscrições serão realizadas por meio de preenchimento de ficha de inscrição, na sede da secretaria, localizada na Rua 7, no Jardim Paraíso II, entre os dias 9 a 24 de abril, das 07h às 16h. Não será cobrado nenhum tipo de taxa de inscrição.

Para se inscrever, o candidato deve ter em mãos o currículo, cópias dos documentos comprobatórios da Carteira de Identidade, CPF, Comprovante de Escolaridade (diploma), uma foto 3×4, comprovante de residência (água, luz ou telefone) e Carteira de Trabalho.

De acordo com o edital, há 30 vagas para gari, 20 para coletor, 10 para braçal, 5 para servente, 3 para serralheiro, 7 para pedreiro, 3 para pintor, 5 para coveiro, 15 para agente de vigilância. Destas, 10 são destinadas aos Portadores de Necessidades Especiais. A remuneração para todos os cargos, de nível fundamental e médio completos e incompletos é de R$ 1.500

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

Economia

Dólar fecha a R$ 5,44 e atinge menor nível em dois meses

Publicados

em

Por

Bolsa de valores encerra estável em dia de volatilidade

Embalado pelo desempenho dos mercados internacionais, o dólar caiu nesta segunda-feira (26) e fechou no menor nível em dois meses. A bolsa de valores alternou momentos de alta e de baixa e encerrou com estabilidade.

O dólar comercial encerrou o dia vendido a R$ 5,449, com queda de R$ 0,05 (-0,88%). A cotação operou em queda durante toda a sessão, consolidando a tendência de baixa durante a tarde. No menor valor desde 24 de fevereiro (R$ 5,421), a divisa acumula queda de 3,2% em abril e alta de 5,01% em 2021.

O otimismo no câmbio não se refletiu no mercado de ações. O índice Ibovespa, da B3, fechou o dia aos 120.595 pontos, com alta de apenas 0,05%. O indicador chegou a subir 0,6% por volta das 10h30, mas operou em baixa durante quase toda a tarde, só se recuperando nos minutos finais de negociação.

O dólar caiu em todo o planeta, em meio à melhoria das expectativas em torno da recuperação da economia global. A moeda norte-americana recuou em sete dos últimos nove pregões. No Brasil, o anúncio pelo presidente da Câmara dos Deputados, Arthur Lira (PP-AL), de que pretende destravar a tramitação das reformas tributária e administrativa foi bem recebido pelo mercado.

A bolsa de valores, no entanto, não sentiu a melhora no mercado externo e operou em baixa na maior parte do dia, mesmo com os índices norte-americanos fechando em alta. Além das tensões em torno da pandemia de covid-19, o índice Ibovespa sofreu pressão da realização de lucros, quando investidores vendem ações para embolsar ganhos recentes. O indicador aproxima-se do recorde de 125 mil pontos registrado no início de janeiro.

*Com informações da Reuters

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

CATEGORIAS

CATEGORIAS

CATEGORIAS

CATEGORIAS

MAIS LIDAS DA SEMANA